quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Livrai-nos do Mal. Texto do Padre Alberto Gambarini. "O Assalto do demônio, as Tentações, A Infestação e, mais raramente, a Possessão."



Um dos maiores inimigos da vida cristã vitoriosa é não compreender ou não levar a sério as palavras de Nosso Senhor em Mt 26,41: “Vigiai e orai para que não entreis em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca.” Vigiar significa jamais perder a consciência de que todos estão sujeitos a tentação. E ninguém vence a tentação sozinho, daí a importância da união com Deus pela oração.

 A igreja primitiva tinha muito claro a importância da atitude de vigilância para não cair nas armadilhas de Satanás. Eles ensinavam, por exemplo:

 - “o diabo rouba ao homem as virtudes da alma, leva-o ao vício, priva-o da liberdade, tornando-o escravo; arrebata-lhe os bens espirituais, extinguindo nele o temor de Deus, e incentivando-o a praticar as misérias da vida presente.(Orígenes)
 -  Satanás “é o grande inimigo do homem.”(Tertuliano)
 -“A esperta serpente não tem outra ânsia, outro cuidado, nem outro negócio, senão derramar o sangue das almas” (São Bento)

 O Catecismo do Concílio de Trento diz: “O demônio nos faz uma guerra sem descanso e persegue-nos com uma raiva mortal. Eis porque suplicamos a Deus para nos livrar do mal e do maligno.”

 Um dos erros da prática cristã de muitas pessoas esta em negar a existência do demônio ou a ignorância sobre esta questão.Nos dois casos fica o espaço para que Satanás semeie a sua terrível destruição.

 Os ataques de Satanás acontecem, principalmente, em três dimensões:
 - tentação
- Infestação pessoal e de lugares
- e mais raramente a possessão.

 Quero convidar você a reconhecer como o maligno age colocando-nos à prova por meio da tentação. A tentação é um estímulo ao mal que encontra apoio em mente e sensibilidade. Muitas tentações surgem dos apelos do mundo para que a gente pratique a mentira, desonestidade, o abuso do sexo, infidelidade matrimonial, experimente e se torne escravo das drogas, abuse do álcool…  e tantas outras seduções. Para nos levar a pecar, “Satanás se transfigura em anjo de luz…”(2Cor 11,14).Para isso, usa todos os meios capazes de atrair nossa atenção, e nos fazer cair em pecado.

 Santo Agostinho dizia: “O demônio ilude-nos com a sombra das coisas passageiras; com as ilusões nos engana e, ao enganar-nos, provoca-nos a morte.”

 A tática do demônio é encontrar o nosso ponto mais fraco.Pode ser a nossa própria vida espiritual fria ou morna, a saúde, a família, os problemas financeiros e profissionais, a afetividade…

 Se ele não encontrar nada nestas áreas, ele não desanima, porque sabe como desviar as mentes e corações do propósito de amar, servir e louvar a Deus.

 O nosso mundo com o destaque para a busca de uma condição melhor de vida,a ênfase sobre a importância da diversão,a facilidade de comunicação via internet,podem se tornar, se não vigiamos,nos novos frutos proibidos apresentadospela terrível serpente para desviar a nossa atenção de Deus. Observe como as pessoas estão sempre conectadas:Celular, Ipod, redes sociais…Exercício físico, as baladas, viagens… O pecado não esta nas atividades ou tecnologia,e sim no modo como são nos relacionamos com estas realidades.

 Na tentação o diabo sugere,quem consente e peca somos nós. Se resistimos com o escudo da fé, Satanás não tem como entrar em nossa vontade. Paulo nos diz em I Cor 10,13: “Não vos sobreveio tentação alguma que ultrapassasse as forças humanas. Deus é fiel: não permitirá que sejais tentados além das vossas forças, mas com a tentação ele vos dará os meios de suportá-la e sairdes dela.”

Oração para vencer as tentações

 "Senhor Jesus, daí-me forças para suportar as dificuldades,
e sabedoria para me afastar do mal e das tentações.
Que todos os meus passos, atos, desejos e pensamentos,
sejam retos aos Teus olhos;
que em meu coração cresça a vontade de amar, louvar e servir a Deus.
Cria em mim um espírito de vigilância,
 para que possa reconhecer as mentiras de Satanás.
Afasta de mim este terrível inimigo e sua astúcia,
e repreende todas as suas artimanhas contra a minha vida
Guarda-me, Senhor Jesus; Guia-me. Eu Te peço e agradeço. Amém."

A Infestação maligna pessoal


O caminho do cristão é marcado pela bênção, e também é uma luta contra o diabo e seus anjos maus. “não é contra homens de carne e sangue que temos de lutar, mas contra os principados e potestades, contra os príncipes deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal (espalhadas) nos ares.” (Ef 6,12) Não podemos ignorar esta batalha espiritual, e ao mesmo tempo é importante manter viva a certeza da vitória de Jesus sobre este nosso terrível inimigo: o demônio : “Eis por que o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do demônio.” (1 Jo 3,8). Esta vitória aconteceu na cruz!

A ação diabólica se desenvolve nos mais diferentes níveis:

-  tentação
 - infestação pessoal e local
 - e possessão

Uma das ações extraordinários do demônio, e ao mesmo tempo, uma da mais comuns, que afeta ao homem e mulher, é infestação maligna pessoal. Esta ação diabólica é como um cerco, um assédio, pois vem de fora, prejudicando a saúde, afetando a imaginação, memória, os sentidos, causando alucinação, etc… A pessoa esta consciente, sente o mal estar, e tem o livre uso da vontade.

 Um dos exemplos de infestação maligna, mais freqüentes, são as doenças, às vezes desconhecidas e inexplicáveis, sob o ponto de vista médico. É o testemunho da libertação da mulher encurvada: “Estava Jesus ensinando na sinagoga em um sábado. Havia ali uma mulher que, havia dezoito anos, era possessa de um espírito que a detinha doente: andava curvada e não podia absolutamente erguer-se. Ao vê-la, Jesus a chamou e disse-lhe: Estás livre da tua doença. Impôs-lhe as mãos e no mesmo instante ela se endireitou, glorificando a Deus.” (Lc 13,10-13). O remédio espiritual aplicado por Jesus é:a oração de libertação: “Ao vê-la, Jesus a chamou e disse-lhe: Estás livre da tua doença. Impôs-lhe as mãos e no mesmo instante ela se endireitou, glorificando a Deus.” (Lc 13,12-13)

 A influência maligna pessoal não é de fácil discernimento, como por exemplo uma possessão, onde o demônio se manifesta de um modo claro. Por isso, é importante,  usar da autoridade de Jesus, e fazer a oração de libertação. É importante combater em duas frentes:

 - Receber a oração de alguém que tenha este ministério de libertação,
 - e também rezar individualmente nesta intenção.

Os exorcistas também afirmam que pelo mau uso da vontade ou como efeito de algum malefício do ambiente ou pessoas,acontece a infestação maligna pessoal, levando a comportamentos estranhos, difíceis e violentos. 

Isso se manifestaria em certas pessoas de difícil relacionamento, algumas com distúrbios graves como a criminalidade, a rebeldia, a falta de respeito pelos semelhantes, a dependência do álcool ou drogas… O remédio também nestes casos é a oração de libertação, feita com a pessoa ou intercedendo por ela.

 Somado à terapia espiritual é necessáriodar alguns passos:

 Primeiro passo: entregar a vida a Jesus
 Segundo passo: oração pessoal
 Terceiro passo: vida sacramental (confissão e eucaristia)

Quero agora convidar você a dar o primeiro passo convidando Jesus a entrar no seu coração:

"Senhor Jesus, Eu Te agradeço por ter morrido na cruz pelos meus pecados, aí foi derramado o Teu sangue precioso para me curar.
Eu abro as portas do meu coração e te convido a ser o meu Senhor e o meu Salvador,
 Assume agora a direção da minha vida. Amém.

Muitas pessoas bem intencionadas tem sido derrotadas diante da vida pela ignorância ou desprezo de certas verdades espirituais a respeito da ação do demônio. 

A possessão é algo raro, enquanto a infestação tanto de pessoas, como locais é muito comum. A infestação pode afetar a todos, quem não é cristão, cristãos comuns e até os mais fervorosos.

Façamos juntos o sinal da cruz: Em nome do Pai….
 Coloque a mão na sua fronte para pedir a libertação de todos os pensamentos maus:

Em nome de Jesus renova a minha mente
 Tira todos os pensamentos de malícia, maldade, impureza, tristeza, derrota…
 Forma em mim uma vontade decidida para reagir. Amém

Coloque a mão no coração para pedir a libertação de todas as emoções negativas:

Jesus entra nas emoções negativas que tem me levado ao pessimismo, tristeza, desanimo diante da vida,
 E dá agora uma nova força para viver.
 Eu repreendo toda e qualquer influência maligna que por ventura esta causado os  males que estão me atormetando.
 Jesus liberta- me da doença que tem como causa a influência maligna. Amém.

No coração não duvide. Não fique somente com esta oração. Continue a terapia espiritual. Se a muito tempo não se confessava, confesse. Mantenha a disciplina da oração diária, inclua o santo terço. Não falte a santa missa dominical.
  
Oração de libertação
  
Eis aqui a † Cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, que garante a salvação e a vida eterna,
 a † Santa Cruz que derrota todos os espíritos malignos.
 † Retira-te de nós, habitante das trevas, oposto aos desígnios do Deus Altíssimo.
 † Afasta-te, não importa o mal que tenhas trazido aqui: bruxaria, feitiçaria, malefícios,
 magia negra, maldições familiares, mal oculto, amarrações.
 Sob o comando de São Miguel Arcanjo, que te precipitou nos infernos,
 assim te ordenamos, espírito maligno, inimigo do gênero humano, que não voltes mais a fazer mal a nós aqui presentes. Amém."



Fonte: http://padrealbertogambarini.wordpress.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este BLOG foi útil para você? Deixe seu testemunho! Sua opinião é muito importante para nós.